04/02/2022 09:35:39

Biografias com Histórias de Sexo, Drogas e Rock n Roll

Selecionamos 10 biografias de astros da música com muito sexo, drogas, rock n roll com venda on-line.

Biografias com Histórias de Sexo, Drogas e Rock n Roll

1

The Dirt: Confissões da banda de rock mais infame do mundo

“Sem dúvida, é a mais detalhada história de prazeres e perrengues do rock que eu já li. É completamente envolvente e extremamente revoltante”. Joe Levy, Rolling Stone “Abra em qualquer lugar e encontre uma história memorável”. New York Times “O livro sobre a banda de rock mais viciante do ano ou, possivelmente, de qualquer ano”. Revista Q “The Dirt é provavelmente a história mais selvagem do rock 'n' roll”. San Antonio Express-News “Um livro sem medo de julgamentos, um olhar sem arrependimentos sobre como o rock 'n' roll era vivido”. Maxim A mais influente, duradoura e icônica banda de hard rock dos anos 1980 conta tudo nesta autobiografia de proporções épicas sobre quatro ícones do rock norte-americano. O Mötley Crüe foi a voz de uma Geração X que mal chegara à puberdade, os altos sacerdotes do rock de mensagens satânicas gravadas ao contrário nos discos, pioneiros do glam de Hollywood e os criadores da primeira power ballad da MTV. Eles se envolveram com celebridades e seus excessos deixariam até Ozzy Osbourne envergonhado. Escrito de maneira brilhante, sempre provocador e revoltante, este livro é um retrato dos estereótipos do rock 'n' roll. Inclui centenas de fotos e um olhar sem precedentes e sem filtros nas vidas de Tommy Lee, Mick Mars, Vince Neil e Nikki Sixx. Publicado originalmente em 2001, The Dirt inspirou o filme da Netflix e enfim chega às mãos dos fãs brasileiros.

Saiba mais

The Dirt: Confissões da banda de rock mais infame do mundo
2

Scar Tissue: As memórias do vocalista do Red Hot Chili Peppers

As cicatrizes reais de uma lenda da música. Considerada pela Rolling Stone como uma das melhores autobiografias de roqueiros de todos os tempos, Scar Tissue expõe a alma de Anthony Kiedis, vocalista do Red Hot Chili Peppers. Kiedis oferece uma história de dedicação e devastação, de intriga e integridade, de imprudência e redenção – uma história que só poderia ter saído do mundo do rock.

Saiba mais

3

Heavier than heaven – Mais pesado que o céu: Uma biografia de Kurt Cobain

Heavier than heaven – Mais pesado que o céu apresenta a vida singular de Kurt Cobain, o mítico líder do Nirvana, banda que revolucionou o estagnado mundo da música pop no início da década de 1990, com o lançamento do clássico álbum Nevermind. Em capítulos que evoluem em ordem cronológica, Charles Cross traça a vida de Cobain desde sua infância, quando ele morava no interior de um trailer numa cidade perdida do estado de Washington, até a conquista da fama, do sucesso e da adoração de toda uma legião de fãs. Heavier than heaven revela os dramas familiares que instigaram a criatividade musical de Cobain, a história da geração que moldou seu caráter e sensibilidade, detalhes do vício pela heroína, os planos suicidas e seu estranho e conturbado caso de amor com Courtney Love. Analisando relatos médicos e policiais, e cartas do próprio músico, Charles Cross também revela fatos novos sobre a saúde de Cobain, sua depressão e seus últimos dias.

Saiba mais

Heavier than heaven – Mais pesado que o céu: Uma biografia de Kurt Cobain
4

Lemmy: A biografia definitiva

Em “Ace of spades”, Lemmy, o líder do Motörhead, um cara que nasceu para perder e viveu para ganhar, cantou: “Não quero viver para sempre”. Entretanto, como ele contou a Mick Wall, seu exassessor de imprensa e amigo por mais de 35 anos: “Na verdade, quero morrer com um dia de antecedência. Só para evitar a pressa...”. Essa é sua história. Uma história bizarra, mas 100% verdadeira. Brutalmente franca, dolorosamente engraçada, triste de doer e narrada com perfeição, Lemmy: a biografia definitiva é a história do único astro do rock que nunca vendeu a alma por prata nem ouro, enquanto mantinha o diabo, como ele próprio colocou, “muito perto”. Mick Wall acompanha Lemmy desde os tempos de escola no País de Gales ao início do sucesso nos anos 1960 com os Rockin’ Vicars; da época em que foi roadie e dealer pessoal de Jimi Hendrix até levar o Hawkwind ao topo das paradas em 1972 com “Silver machine” e de onde foi demitido por tomar as drogas erradas para em seguida formar o Motörhead, cujo álbum No sleep ‘til Hammersmith alcançou o topo das paradas de sucesso em todo o mundo e se tornou um marco na história do heavy metal. Baseado nas entrevistas que Lemmy concedeu a Mick ao longo de décadas, assim como conversas com aqueles que o conheciam melhor ― excompanheiros de banda, empresários, músicos, roadies e velhos parceiros das gravadoras ― esta é uma história impossível de largar sobre um dos maiores personagens do mundo da música. Com sua morte nos últimos dias de 2015, Lemmy deixou os palcos para se tornar uma lenda. E Lemmy: a biografia definitiva explica exatamente como isso aconteceu.

Saiba mais

Lemmy: A biografia definitiva
5

Meu Apetite por Destruição. Sexo, Drogas e Guns N Roses

A autobiografia do baterista original do Guns N Roses é um conto repleto de sexo, drogas, excessos, laquê e uma intensa batalha de 20 anos contra o vício. O Guns N Roses é uma das bandas de rock mais bem-sucedidas do mundo, com aproximadamente 90 milhões de álbuns vendidos. Adler fez parte da formação original, que gravou o clássico álbum de estreia Appetite for Destruction. O baterista viveu intensamente o estilo de vida de um rock star, com um passado infame de sexo, drogas e rock’n’roll que resultou na sua expulsão da banda. E neste livro, pela primeira vez, Adler conta tudo! Em Meu Apetite por destruição ele revela – com sagacidade e franqueza – sua batalha pessoal contra o vício em drogas (20 anos de vício em heroína e crack), incluindo a ruína financeira que ele enfrentou depois de ter sido chutado da banda e os problemas de saúde que quase tiraram sua vida diversas vezes. Agora limpo e sóbrio, Steven faz o ajuste de contas com sua vida e sua época no Guns N’ Roses, durante a ascensão e queda de uma das maiores bandas de rock de todos os tempos.

Saiba mais

Meu Apetite por Destruição. Sexo, Drogas e Guns N Roses
6

Jim Morrison: Ninguém sai vivo daqui

JIM MORRISON EM TODA A SUA COMPLEXIDADE: CANTOR, FILÓSOFO, POETA, DELINQUENTE... "A biografia mais importante do The Doors, que serviu de inspiração para o aclamado filme de Oliver Stone de 1991" ― Rolling Stone O fundador do The Doors protagonizou uma das histórias mais emblemáticas do rock, uma tragédia moderna que o elevou à condição de lenda. Carismático, brilhante, genial e genioso, Jim rejeitou todas as formas de autoridade e, como um explorador obcecado, testou “os limites da realidade para ver o que aconteceria”. Escrito por um dos confidentes e assessores dos Doors, que conseguiu um emprego no escritório da banda aos 13 anos, para responder carta de fãs, e compartilhou da intimidade de Jim Morrison como poucos – a ponto de o próprio Jim tê-lo incentivado a escrever sobre música – Ninguém sai vivo daqui tornou-se o livro mais cultuado de todos os tempos sobre o The Doors, com mais de 2 milhões de exemplares vendidos. O Rei Lagarto não morreu. “O The Doors já foi objeto de diversos livros. O melhor deles é este.” ― André Barcinski, Folha de S.Paulo “Um livro que todo fã (novo ou velho) do The Doors deve ler, repleto de revelações picantes, memórias agridoces e uma investigação exaustiva sobre a morte bizarra de Morrison.” ― Los Angeles Times “Uma história inquietante da volatilidade psicológica de um artista.” ― Baltimore Sun “Brilhante… um relato intensamente vívido e selvagemente cativante de uma breve vida, desfrutada no limite; na verdade, sem limites... Uma viagem feroz ao lado sombrio da humanidade. É um livro bem elaborado, feito com o tipo de perfeição muscular que Jim Morrison teria apreciado. Leia.” ― Kicks “Cativante. Este livro vai deixar você nostálgico por uma era que passou rápido.” ― Nashville Gazette

Saiba mais

Jim Morrison: Ninguém sai vivo daqui
7

Eu sou Ozzy

Ozzy Osbourne é um dos nomes mais importantes no rock. Ao formar a banda Black Sabbath, ele ajudou a moldar um estilo que, anos mais tarde, se tornaria conhecido no mundo todo e adorado por milhares de fãs. Além do impacto musical, sua personalidade carismática e desvairada foi responsável por sua popularidade. Nos anos loucos em que esteve à frente do Sabbath, Ozzy protagonizou episódios de exageros com drogas, os quais resultaram em sua saída do grupo. Iniciou uma carreira solo bem-sucedida, também permeada pelos excessos. Após a morte trágica do guitarrista de sua banda e grande amigo Randy Rhoads em um acidente de avião, Ozzy diminuiu o ritmo e a intensidade de seu comportamento, mas nunca o talento. Lançou discos excelentes que se tornaram clássicos e voltou a se reunir em algumas turnês com a antiga formação do Black Sabbath. Formou uma família tão feliz quanto insólita, o que lhes rendeu o convite para protagonizarem um reality show na MTV, “The Osbournes”. Nesta autobiografia o “madman” conta em detalhes e com muito humor sua trajetória de sucesso, escândalos, amor e muito rock ‘n’ roll.

Saiba mais

Eu sou Ozzy
8

Janis Joplin – Sua Vida, Sua Música: A Biografia Definitiva da Mulher mais Influente da História do Rock

Escrito por Holly George-Warren, uma das mais respeitadas cronistas da história da música norte-americana, e baseado em um acesso sem precedentes a familiares da cantora, amigos, colegas de banda, arquivos, diários, cartas e entrevistas há muito perdidas, Janis Joplin – Sua Vida, Sua Música é um retrato completo, complexo e gratificante de uma das artistas mais notáveis de todos os tempos, que enfim recebe seu merecido reconhecimento e importância como uma das cantoras mais influentes da história do rock.Por meio de um estilo radiante e intimista, esta biografia consolida a “Rainha do Rock & Roll” como pioneira musical, alguém que, de fato, rompeu regras; uma mulher rebelde, de personalidade inteligente e complexa, que desafiou todas as convenções de gênero em sua época, abrindo caminho para as mulheres poderem extravasar suas dores e revolta no cenário artístico.

Saiba mais
Janis Joplin – Sua Vida, Sua Música: A Biografia Definitiva da Mulher mais Influente da História do Rock
9

O barulho na minha cabeça te incomoda?: Uma memória feita de rock´n´roll

Steven Tyler é vocalista da famosa banda norte-americana Aerosmith, formada em Boston, Massachusetts, no início dos anos 70. Sua trajetória como líder da banda é narrada aqui, por ele mesmo, sem cortes: desde a formação como músico; o afastamento para tratar da dependência de drogas, sem muito sucesso; o regresso em 1984, quando, em turnê, Tyler chegou a desmaiar no palco... Ele também narra suas aventuras sexuais e fala do reconhecimento da paternidade da atriz Liv Tyler. Um livro polêmico - como é, muitas vezes, a vida de um astro do rock.

Saiba mais
O barulho na minha cabeça te incomoda?: Uma memória feita de rock´n´roll
10

A vida e a música de Iggy Pop: Open Up And Bleed

A vida e a música de Iggy Pop – Open Up and Bleed consegue transcender a vida e música do astro do rock’n’roll, se tornando um registro sobre a morte do sonho hippie, a influência das drogas na criatividade artística, a natureza da camaradagem e as devastações causadas pela fama. Paul Trynka, ex-editor da revista inglesa MOJO, viajou por todos os cantos – Califórnia, Nova York, Berlim, Londres – realizando mais de 250 entrevistas com amigos de infância, amantes, companheiros de banda, músicos e o próprio Iggy, a fim de construir a história desse ícone fundamental para a cena musical dos anos 1970 a 1990. O resultado é um fascinante retrato do artista Jim Osterberg, com detalhes da infância, do enigmático relacionamento com o amigo e mentor David Bowie, das orgias e drogas com os Stooges e toda a construção do alter ego Iggy Pop.

Saiba mais
A vida e a música de Iggy Pop: Open Up And Bleed

Posts relacionados


Posts mais recentes


Mais Pesquisadas


Confira também algumas das melhores reviews do nosso parceiro mReviews:
mReviews LogoREVIEWS

Mais lidas


Categorias



Confira também algumas das melhores reviews do nosso parceiro mReviews:
mReviews LogoREVIEWS